PRÁTICAS DEMOCRÁTICAS NA ESCOLA:UM ESTUDO DE CASO NUMA ESCOLA SECUNDÁRIA NO NORTE DE MOÇAMBIQUE

Pedro Marcelino, Joaquim Machado

Resumo


Este trabalho decorre de um estudo de caso, numa escola secundária no norte de Moçambique, que analisou como se desenvolve a educação para a democracia em contexto escolar, conforme as orientações estabelecidas pelo Plano Curricular do Ensino Secundário Geral. Os sujeitos da pesquisa são alunos e professores da décima classe e o diretor da escola. As técnicas de recolha de dados foram a entrevista semi-estruturada, a observação de aulas, e a análise documental. Os resultados revelaram que, na generalidade, as práticas no quotidiano da escola estão mais viradas para o cumprimento dos programas de ensino e a transmissão de conteúdos, predominando a lógica da responsabilidade burocrática e a educação para a conformidade; o estudo demonstrou haver uma dissociação entre o plano das orientações para a ação e o plano da ação, sobretudo na maneira como os professores lidam com as questões relacionadas com a educação em valores democráticos e na forma como escola envolve os alunos na vida da escola. O estudo conclui que a escola tende mais a doutrinar os alunos, há pouco envolvimento direto dos alunos na tomada de decisões sobre os problemas da escola e não há organizações autónomas dos alunos.

Palavras-chave: educação, democracia, valores, participação, conformidade.

Abstract

This work stems from a case study in a secondary school in the northern Mozambique, which examined how develops the education for democracy in school context, in accordance with the guidelines laid down by the General Secondary Education Curricular Plan. The target population for this research include students and teachers of grade ten and the school director. Data collection techniques were the semi-structured interview, observation of lessons, and documentary analysis. This study showed that, in general, the daily practices in the school in study are more towards to the compliance of the educational programmes and the transmission of content; dominating, in this way, bureaucratic responsibility logic and education for compliance; the study demonstrated a dissociation between the guidelines for action and action plan, especially the way teachers deal with issues related to education in democratic values and the way the school involves students in the operation of the school. The study concludes that the school tends more to indoctrinate students, there is little direct involvement of students in decision-making about the problems of the school and absence of autonomous organizations of students.

Keywords: education, democracy, values, participation, compliance.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.